terça-feira, 17 de junho de 2014

Porto Grande - Amapá

Praça de Porto Grande


Localizado a 105 km da capital amapaense, Porto Grande tem alguns dos maiores assentamentos rurais do Estado. O município teve sua origem da mesma forma que Ferreira Gomes, de uma pequena colônia, às margens do Rio Araguari onde, segundo alguns moradores antigos, dizem ali ter existido uma mercearia denominada “Porto Grande”.


Quando os trabalhadores de Porto Platon (Estação Ferroviaria Porto Platon foi inaugurada em 1957) queriam comprar alguma coisa, falavam assim: “Vou fazer umas compras lá em Porto Grande”. Com a abertura da Rodovia Perimetral Norte desenvolveu-se, no município, a plantação das monoculturas Pinnus e dendê em áreas de cerrado, o que ocasionou um significativo aumento da população na sede do município. O pequeno Município de Porto grande está localizado entre o Município de Ferreira Gomes no Norte e Macapá ao sul, Viajando de trem entre Santana e Serra do Navio, Porto Grande fica no meio do caminho.
Mapa da Ferrovia

Estação Em Porto Grande
Mesmo com essa procedência, ainda assim, não se tem uma definição precisa da origem do nome Porto Grande. Contam os mais antigos que surgiu no tempo em que a colônia do Matapi era tão próspera em termos de produção agrícola que o fato da comunidade se reunir para comercializar o produto, lembrava um grande porto. Há ainda outra versão para o nome que, segundo alguns, surgiu do fato de haver existido uma mercadoria cujo nome era Porto Grande.

Seja através das necessidades dos funcionários do Porto Platon de comprar mercadorias ou através de produção agrícola da colônia do Matapi, o fato é que desenvolveu o município de Porto Grande, cognominado também de a cidade do festival do abacaxi.
Praça do Abacaxi

É Pertinente ressaltar que o desenvolvimento desse município esta intimamente relacionada com a construção da ferrovia do Amapá, onde duraram 33 meses, de fevereiro de 1954 a outubro de 1956, para ser construída e iniciou seus trabalhos no ano de 1957. A firma norte-americana Foley Brothers Inc. incumbiu-se da obra. Esta Ferrovia tinha a finalidade de além de escoar minérios de Serra do Navio para o porto do município de Santana, tinha também a finalidade de levar passageiro e garantir o transporte gratuito de funcionários públicos, de encomendas, de correios e de outras cargas de interesses públicos.  

Esse pequeno município, embora seja pequeno em extensão, mais é grande no nome e também na receptividade de seus moradores. Porto grandense é a designação gentílica. Sua população conta com aproximadamente 16.825 mil habitantes, muitos deles vindo da capital Macapá e também de outros estados brasileiros, para trabalhar na Usina Hidrelétrica de Ferreira Gomes, com as obras iniciadas em junho de 2011, e a hidrelétrica de Cachoeira Caldeirão, no rio Araguari que está prevista a operar em janeiro de 2017 e escolheram Porto Grande como sede para alojar seus funcionários.   
Beira rio de Porto Grande

A cidade ainda é nova, pois, alcançou esse título, pela Lei Estadual n.º 03, de 01-05-1992, desmembrando-o do município de Macapá. Porém, desacompanhada de políticas públicas e infraestruturas adequada. A Incipiente cidade é rica em recursos naturais e possui uma grande área madeireira, constituindo a base de sua economia. A atração turística do município funciona dentro da própria cidade, com um belo balneário e o festival anual do abacaxi, realizado lá, atrai visitantes de todo o Estado. 
Balneário de Porto Grande
Local de encontro de pessoas para o festival do abacaxi

No entanto, a cidade não tem muito a oferecer para os seus moradores, principalmente, na área de geração de emprego, muitos porto grandeses encontram-se desempregados. No pequeno município tem algumas lojas como: Center Kenedy, Unilar e algumas lojas de materiais de construção e comércios, dois bancos uma casa lotérica. Infelizmente, não pode empregar uma população de quase 17.000 mil habitantes. A cidade também comporta servidores municipais e estaduais. Dessa forma, se os moradores quiserem se empregar eles tem que sair do município e for para Ferreira Gomes para trabalhar na Alusa Engenharia empresa responsável pela construção da Barragem de Ferreira Gomes ou na CESBE/S.A.         

No setor de transporte, Porto Grande dispõe de rodovia, fluvial e uma estrada ferroviária com 100 km de extensão. HISTÓRICO DA LINHA: A E. F. do Amapá foi aberta em 1957 ligando a capital do então Território Federal do Amapá a Serra do Navio. É desde então uma ferrovia isolada, que não tem qualquer entroncamento com outras ferrovias brasileiras. Além disso, é uma das raríssimas ferrovias em solo brasileiro com bitola standard (1,44 m).
 

 
Alunos do Curso Porteiro e Vigia do Pronatec - Senac
 Fonte: Amapá nos tempos do Manganês: um estudo sobre o desenvolvimento de um estado amazônico - 1943-2000 de José Augusto Drumond e Mariângela de Araújo Pereira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário